Visitando os avós

Hello galerinha, hoje estava dando uma olhada em algumas fotos no meu Instagram pessoal e me deparei com algumas fotos de uma viagem que fiz a uns dois anos para casa dos meus avós maternos.

E não tem nada melhor do que casa e amor dos avós e por isso decidir compartilhar um pouco de como foi essa viagem para  uma cidadezinha no meio do nada entre o Ceará e o Piaí, com um nome bem peculiar Cachoeira Grande, mas se algum dia existiu essa tal de cachoeira secou que virou pó, pois acredito que lá é o lugar mais quente dessa Terra.

As lembranças dessa viagem ficaram ainda mais especial  essa semana ao descobrir que meu vozinho esta doente, então, quero compartilhar esses momentos tão inesquecíveis com vocês.

19436856_661799097347337_9075458525731225600_n

O cartão postal da cidade a Igreja de Pedra. Fica no centro da ‘cidade’

 

19425508_1709423536030387_3844431935388516352_n

Um dos grandes problemas é a seca

19764335_1976033235958660_6731258516511653888_n

Meu primo e companheiro de aventuras

19535030_1560221974053128_3977517046152822784_n

A paisagem só lembrava o sofrimento do povo com a seca

19761430_1578215965523375_6489452867064168448_n

Árvore em frente a casa do meus avós

19122233_332964707124030_962863098610319360_n

A casa deles simples, mas tão aconchegante

19984825_132439374007686_607123966938578944_n

E não podia faltar uma foto com eles

19932535_101589957146147_6033805486053130240_n

Antes de voltar para casa começou a chover e vi o sertão se mostrar com vida

E vocês galerinha aonde os avós de vocês moram?

Anúncios

Rotas do Dragão no Guarujá

Pensando sempre em estimular o turismo e visando os milhões de visitantes que passam pela cidade todos os verões, a Secretaria do Turismo da Prefeitura de Guarujá criou um projeto há alguns anos para facilitar a vida de quem decidir passar as férias ou o final de semana na cidade e, assim, já aproveitar para apresentar com mais clareza as opções de atividades culturais, históricas e naturais que existem por lá.

Dez rotas diferentes foram organizadas e criadas pensando na melhor forma da qual os visitantes poderiam desfrutar de todos os cantos da cidade, que fica a cerca de 90 km da cidade de São Paulo. As rotas podem durar de 3 a 9 horas e são divididas em níveis de dificuldade baixo, moderado e alto. Está se perguntando por que o nome “Rotas do Dragão”? Bem, é só dar uma conferida no mapa do Guarujá visto de cima que será fácil de entender. A forma da ilha lembra perfeitamente a de um dragão.

Começando pelas rotas de baixo nível de dificuldade, destaca-se a Rota Bandeira Azul, que leva esse nome por conta da Praia do Tombo, paraíso dos surfistas, sendo uma das únicas praias do Brasil a receber o selo internacional Bandeira Azul, pela qualidade das águas e infraestrutura aos banhistas. A rota inclui também o Forte dos Andradas e o Mirante do Morro da Caixa D’água. A Rota Águas Iluminadas concentra a visitação às principais praias, sendo elas: Praia do Tombo, Pernambuco, Enseada e Pitangueiras.

1.6.rota.praias.guaruja

Depois de fazer uma das rotas focadas na natureza, uma ótima opção pode ser partir para a Rota Paraíso das Compras, começando pelo Comércio Popular de Vicente de Carvalho, que lembra muito a famosa Rua 25 de Março, da capital. Depois, a rota indica passar também pelas tradicionais feirinhas de artesanato das Astúrias e das Pitangueiras. Já a Rota Águas da Enseada pode ser perfeita para quem estiver com a criançada. Essa opção sugere a visitação a um dos maiores aquários da América Latina: o Acqua Mundo, situado na Praia da Enseada.

Os mais aventurosos e amantes das trilhas vão adorar as rotas de nível de dificuldade moderado e alto. A Rota Ruínas Caiçaras junta natureza e história, passando pela Armação das Baleias, local onde era extraído o óleo dos mamíferos séculos atrás, e pelas ruínas da Ermida de Santo Antônio de Guaibê, uma simples capela do século XVI que ficou famosa pela frequente presença do Padre José de Anchieta. No final, o passeio ainda proporciona um mergulho nas águas da Praia Branca e Perequê. Essa é considerada de nível moderado.

E para aqueles que estiverem a todo o vapor, as últimas 2 rotas de nível de dificuldade alto são diversão garantida. A Rota Branca e Preta, como o próprio nome já diz, passa pelas praias Branca, Preta e também pela Camburi. Essa é uma ótima opção para observar a fauna e a flora da Mata Atlântica. Já a Rota Cachoeira do Camburizinho faz a famosa Trilha Alta, conhecida pelas subidas íngremes e longa duração de caminhada. No final, os turistas podem escolher seguir para a Praia do Camburizinho ou para a cachoeira.

1.6.cachoaieracamburizinho guarujá

Maiores informações sobre todas as 10 Rotas do Dragão podem ser encontradas diretamente no site da Prefeitura do Guarujá.

http://www.roteirodeturismo.com.br/hoteis-e-pousadas/sao-paulo/guaruja/